terça-feira, 17 de maio de 2011

10 coisas para fazer em Salvador!

Como o post que mais faz sucesso aqui no blog é sobre Salvador, minha terrinha querida, resolvi fazer uma listinha de 10 coisas “imperdíveis” na cidade sob o meu ponto de vista, claro!

Adianto que não são dicas exatamente “turísticas” nem sobre os lugares mais badalados do momento (que em Salvador mudam numa velocidade impressionante, o estabelecimento bacana de hoje, pode ser totalmente over amanhã!), muitas coisas estão fora do circuito turístico clássico (outras dentro!):

1)Centro histórico de Salvador: além do famoso Pelourinho, há outra zona bem interessante da parte histórica chamada Santo Antonio, tem muito hotel/pousada também, acho que até melhores que no Pelourinho, e restaurantes conhecidos pelos petiscos delicinhas.

Ah, na visita ao Pelourinho, não deixe de visitar a belíssima Igreja de São Francisco.

2) Mercado Modelo e Forte de São Marcelo: para quem curte artesanato local, vai encontrar muita coisa aí (eu só acho os artesanatos bem parecidos, inclusive nos preços, mas é tudo tão perto – o Mercado está em frente a entrada/saída do Elevador Lacerda - que eu recomendaria ao menos uma voltinha).

E o forte por sua vez, fica bem em frente ao Mercado Modelo (o forte está dentro do mar, pega-se um barquinho no terminal, se não me engano custa 10 reais), de lá você tem uma vista linda da parte histórica e da cidade alta de um ângulo pouco explorado pelos viajantes, rende ótimas fotos!

3)JAM (Jazz no MAM - Museu de arte Moderna, na Avenida Contorno):  o MAM é muito bacana, é um museu que conta com um acervo de esculturas a céu aberto, um visual incrível à beira-mar e aos sábados o por do sol fantástico é embalado ao som de jazz ao vivo por apenas R$5. 

Tem barraquinhas vendendo cerveja e acarajé, ambiente super despojado, esqueça salto e make up elaborado, é realmente imperdível!

4) Ainda pela na cidade baixa, que tal passear pela Ribeira, Bomfim, Mont Serrat, Humaitá? Aí você vai ver uma Salvador, digamos menos moderna, são bairros mais antigos, no passado eram bairros tradicionais e hoje conservam lindas paisagens e em muitos pontos o por do sol também é lindo de ver.

Acho o Forte Montserrat fantástico, está localizado em Humaitá (já coloquei algumas fotinhas aqui. Evite ir domingo, a região fica lotada de gente, eu gosto de exclusividade e tranquilidade, baby! rs).

A Igreja do Bonfim dispensa maiores comentários, símbolo maior da fé baiana e do nosso sincretismo religioso, em janeiro as escadarias da igreja tornam-se palco de uma das maiores festas populares, a lavagem do Bonfim.

Se puder, pegue o barco na Ribeira para o subúrbio e vá comer uma moqueca ou qualquer outro quitute tipicamente baiano no restaurante Boca de Galinha (famoso em toda Salvador– sempre há filas, creio que só funciona de sexta a domingo, linda vista para a Península Itapagipana, mas extremamente simples), na volta se delicie na sorveteria da Ribeira, a mais famosa da cidade, prove os sabores exóticos dos sorvetes de todas as frutas tropicais.

5) Farol da Barra, Morro do Cristo e Porto da Barra - a praia do Porto é a minha preferida durante a semana (de novo digo que fica impossível no final de semana, em especial no domingo), águas tranquilas, sem ondas, é possível alugar cadeiras e guarda-sol.

E o por do sol no Cristo ou no Farol também vale muito a pena, no farol tem que ir para a parte do fundo, é lá onde as pessoas se concentram e assistem ao espetáculo: no final há aplausos, acho digno rs!  

6) Largo de Dinha no Rio Vermelho – escolher o “melhor acarajé” em Salvador é difícil, os 3 mais recomendados são o de Dinha, Cira e Regina. Esqueça a dieta, experimente os 3 e escolha o seu!

Isso do acarajé aliás é um tema importante, não comam qualquer um na rua, principalmente se nunca provaram, não tem nada pior que um acarajé mal feito, sem contar que é uma comida pesada e comer de qualquer tabuleiro da rua pode deixar péssimas recordações, se é que me entendem…

Voltando ao largo de Dinha, eu era cliente fiel da simpática pracinha, trabalhava ali do lado e era caminho para ir a faculdade, ou seja, parada fácil para o happy hour com as amigas, ficavamos de bobeira tomando uma cervejinha e comendo um acarajé. #bonstempos

É uma praça com vários bares simples, cadeiras e mesas de plástico, hippies e vendedores ambulantes por vezes te importunando, mas pra mim tem um certo encanto, não sei, gosto do astral dali e não tem muito como explicar.

Em volta da praça há muitos bares de diferentes estilos e tribos, você escolhe o que mais te apetece. O Rio Vermelho é o bairro mais boêmio de Salvador! Por aí tem o pub Twist – concorrido, “da modinha”; o bar A Padaria, também bastante apreciado pela juventude local, sempre cheio, bonitinho e barulhento; o bar Postudo mais alternativo e com uma linda vista ao mar do Rio Vermelho de onde sai os barcos na festa de Yemanjá; os bares de samba Ali do Lado, São Jorge e Jequitibar, etc.

6.1) Boteco São Jorge e Jequitibar (bar do teatro SESI), adoro esses dois bares de samba no Rio Vermelho, por isso os colocarei em destaque rs! São bonitinhos, sem aquele clima fake dos lugares “da modinha” com as menininhas e menininhos iguais – tô ficando velha, chata e repetitiva com isso, sorry!

O Jequitibar tem um público menos jovem, mas não menos animado, tem que chegar cedo para garantir lugar, o espaço é pequeno e às 21:30 já não entra mais ninguém, sou fã da banda de sábado!

O São Jorge tem público de toda faixa etária, o bar é temático de samba, um pedaço do RJ em Salvador.

6.2) Borracharia, também no Rio Vermelho – a-m-o! Provavelmente será a balada mais inusitada – e divertida - que você irá em Salvador, é uma danceteria diferente de tudo, de dia é realmente uma borracharia e de noite vira boate (atenção meninas, o piso é irregular e se não quiser dar de cara com um dos pneus do ambiente, melhor deixar o salto agulha na mala e ser feliz com uma sapatilha ou um salto que te dê estabilidade). 

Set list bem variado, tem músicas de todo tipo, antigas, novas, remixadas, uma delícia! Ótimo DJ, gente descolada, começa a bombar tarde levando em conta os parâmetros baianos – 1h da manhã, eu sempre ia dia de sexta-feira, é bem concorrido e muitas vezes os desavisados já me pararam na fila e perguntaram o que acontecia “ali”, porque tinha tanta gente na porta de um borracharia a noite rs.

6.3) Saindo do Rio Vermelho, mas ainda com bares/restaurantes, se a ideia é dançar forró, indico o restaurante Sertão Bom, com decoração toda rústica, que parece mesmo o sertão, tem forró da melhor qualidade toda semana, de quinta a sábado. 

E recomendo se jogar no melhor da comida nordestina aí, do farto café da manhã ao almoço, vale muito a pena mesmo!


7) Baiano adora um caranguejo, nada melhor que juntar uns amigos e ir tomar uma cervejinha numa tarde de domingo de frente para o mar, quebrando caranguejo e “resenhando” a semana! 

Tá, eu sei que dá trabalho, nem todo mundo tem habilidade com os bichinhos e você ainda sai do restaurante com fome, mas eu poderia dizer que isso está arraigado na nossa cultura e é uma delicia rs.

Bares para comer um bom caranguejo com pirão tem vários pela cidade, em Pituaçu estão os mais famosos, eu adoro o Cabana do João/Cabana da Celi.

8) Passar uma tarde em Itapuã. Isso lembra minha infância, meus pais sempre me levavam para as praias aí, minha maior lembrança é na Rua K.

Visite a pracinha de Vinicius de Moraes e experimente o outro acarajé do top 3: o acarajé de Cira (muito bom mesmo!) e se ainda tiver um espacinho prove a tapioca também.

Por ali está outro ponto turístico que no passado estava em todos os cartões postais: a lagoa do abaeté, não recomendo a visita pelo simples motivo de me sentir insegura e achar que o lugar está totalmente abandonado – alguém me corrija se a situação mudou!

8.1) Aí nas redondezas, aproveite para conhecer as praias mais afastadas do centro da cidade, são lindas, tranquilas, costumavam ter grandes barracas/restaurantes de praia, mas recentemente a prefeitura resolver derruba-las, não entrando no mérito político-social da questão, agradeça que ainda tem a praia para desfrutar.

Recomendo Stella Maris, Ipitanga e Praia do Flamengo.

9) Dique do Tororó, essa área foi revitalizada e hoje é onde ficam as esculturas dos orixás, independente da religião, é um lugar bacana de se conhecer se tiver tempo... tem um restaurante legal também de comida nordestina chamado A Porteira e a pizzaria Cheiro de Pizza, se quiser ainda pode fazer o passeio de barco e pedalinho, é baratinho, coisa de R$ 5,00.

10) Feira de São Joaquim, essa daqui é pra viajante que adora uma feira popular, para se jogar nesse mundinho o nível de frescura tem que ser 0!

A feira é enorme e vende tudo que você possa imaginar, muita fruta a preços módicos, artesanato – produtos de madeira, cerâmica  folhas para banhos e umbanda, etc, e se tiver coragem experimente uma das comidas pesadíssimas de lá (sarapatel, feijoada, dobradinha e me conte depois porque eu nunca tive rs! Não por achar que estaria estragada ou ruim, mas acho extremamente pesada).

Tenham muita atenção com seus pertences, a feira ficou relativamente pop, já foi tema de exposição fotográfica e de teses acadêmicas  muitos turistas se empolgam com as fotos pitorescas e os espertinhos de plantão se aproveitam.

Extra: O litoral norte está a poucos quilômetros da capital baiana, tem lugares lindos, sossegados e  outros badalados como Praia do Forte, Imbassai, Barra do Itariri, Conde, Jacuipe, há ônibus saindo da rodoviária de Salvador para esses lugares, a viagem não durará mais de 2h e se tiver em grupo ou com orçamento folgado, pode ficar mais prático alugar um carro e sair percorrendo essas belezuras praieiras!

Boa viagem!

Abraços! :)

47 comentários:

  1. Massa! Eu que sou de Salvador até esqueço desses points...talvez por fazerem parte do cotidiano passam despercebidos.
    Estava procurando algumas ideias para passar as férias e encontrei o seu blog. Vlw pelas dicas (principalmente as acompanhadas de preços, rs).

    Abs
    Yukio

    ResponderExcluir
  2. Yukio,

    Muito obrigada pelo comentário! ;)
    Pois é, as vezes passamos batidos por vários programinhas legais nas nossas cidades, o bom é que sempre há tempo para relembrarmos e aproveitarmos... Bjo

    ResponderExcluir
  3. oi
    Meu nome é Clara, tenho 45 anos e adorei seu post, estou indo pra Salvador em setembro/2012 ...
    Só eu , Deus e a vontade de conhecer Salvador.
    Vou ficar em Ondina, chego a noite de um sabado umas 23:30 no hotel e vou embora na terça pela manha umas 11:00hs, entao me ajude por fvor, imagine voce nessa situação la.. "sozinha" podendo escolher e fazer o que quiser, na hora que quiser... entao!!!
    O quais as dicas?Bjo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clara!

      Eu faria todas essas coisas do post rs!

      Espero que tenha curtido muito a terrinha!

      Abraço!

      Excluir
  4. estou indo pra salvador em agosto/2012 e copie muita coisa de seu blog! valeu demais! sabe... sair um pouco dessa coisa de turismo mesmo! curtir o local! parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Margarete! Muito obrigada pelo comentário!

      Fico feliz em ter ajudado com as dicas!

      Beijo!

      Excluir
  5. Valeu!!! Adorei as dicas, parece que sou eu falando.... td que eu gosto!! Estou indo a Salvador em novembro e vou aproveitar bastabte atraves das suas dicas!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Muito obrigada!

      Que bom pude ajudar um pouquinho com os preparativos da viagem!

      Volte sempre! :)

      Abraço!

      Excluir
  6. Obrigado, vou seguir suas dicas. estou indo em Novembro de 2012 para lá com minha Mãe. e Suas dicas foram muito dez.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada!

      Espero que tenham aproveitado bastante!

      Abraço!

      Excluir
  7. Olá,
    Nossa! Era justamente o que estávamos precisando!!! Estamos em Salvador e seu blog nos ajudou a organizar nossa breve estadia.
    Obrigado!
    Ma e Bô

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ma e Bô, muito obrigada pelo comentário!

      Fico bem feliz por ter ajudado!

      Abraço!

      Excluir
  8. Gostei. Mas as vezes fico deslocada nestes lugares (bares), quando vou só. E ao chegar parece que todos já se conhecem. Você já viveu algo parecido? Obrigada pelas dicas e parabéns pela forma com que elas são descritas.
    Lau

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh, sim! Salvador tem umas caras que são figurinhas certas em vários lugares, e aí acaba que muita gente se conhece mesmo, principalmente nos lugares badalados do momento.

      Muito obrigada pela gentileza!

      Abraço!

      Excluir
  9. Opa!
    Estou indo passar 8 próximos dias em Salvadore e essas dicas são preciosissimas, super salvo!
    Depois posto a experiencia aqui,

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que maravilha, Ícaro!

      Posta mesmo, as vezes fico sem tempo para responder, mas sempre leio os comentários e gosto de saber como passaram nos lugares que comento aqui no blog!

      Abraço!

      Excluir
  10. Olá !!Sou do Rio e pretendo passar as férias de Julho com a minha filha em Salvador !!!!

    Sabe de lugares que posso visitar com ela? tem 6 anos .
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mimi!

      Tem quase 3 anos que não vivo mais em Salvador, como não tenho filhos quando viajo para lá não faço uma programação interessante para crianças, acredito que minhas dicas nesse sentido seriam muito desatualizadas.

      Abraço!

      Excluir
  11. Oie! Adorei as dicas dos lugares. Estou na primeira semana de maio, mas ainda não fechei hostel/pousada. Pode indicar alguma bbb (boa, barata e bacana)?! Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Samyra! Infelizmente não pude responder em tempo hábil, a essa altura você já deve estar aproveitando o que Salvador tem de bom!

      Não saberia dar dicas de hotéis porque nunca usei tais serviços em Salvador, então não tenho como avaliar muitos pontos.

      Poderia ajudar quanto a localização - sempre prefiro a Barra, Ondina ou Rio Vermelho.

      Você pode pesquisar os comentários de hospedes em sites como decolar.com, booking.com, etc, costumo levar em conta quando estou procurando lugar para ficar e geralmente funciona.

      Abraço!

      Excluir
  12. ameiiii, ameii , tudo muito claro e simples,, mas com uma definiçao perfeita,, vou a salvador em outubro, (niver de casamento) somos um casal jovem, e ja to com a viagem quase toda programada,, fico tres dias em salvador, no hotel (MAR BRASIL HOTEL), depois vou para porto seguro , onde fico no xurupita, mas eu to muito afim de fazer um mergulho ,, e ainda não sei onde fazer ... vc tem alguma opinião sobre meu trajeto? rsrsr bgada showwww seu post!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida, muito obrigada pela gentileza!

      Espero que comemorem bastante o aniversário! ;)

      O mergulho na Barra em Salvador é bem conhecido, eu nunca fiz, mas conheço gente que já fez e gostou. Deixo o link de um dos grupos de mergulho de lá: http://www.divebahia.com.br/

      Mergulho em Porto Seguro é certo que tem, mas não tenho informações.

      Conhecer Salvador e o litoral sul da Bahia é uma delicia, vocês irão curtir muito!

      Abraço!

      Excluir
  13. Olá td bem?? Vou para Salvador dia 28/05 e só retorno dia 03/06 vou com um bebê de 8 meses, pode me dar dicas de passeio??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo bem e você?

      Alguma dica sobre algo que você tenha especial interesse? Como museu, praia, gastronomia, etc?

      Caso sejam dicas gerais, dá uma olhadinha nos posts sobre Salvador, tem algumas ideias de passeios na cidade.

      Abraço!

      Excluir
  14. Olá td bem??Vou viajar para Salvador e estou começando a planejar o meu roteiro..Os lugares que vc citou em Salvador da para fazer em qts dias??Itacare fica muito longe de Salvador?tem que ir para ficar ou da para ir e voltar no mesmo dia??
    Adorei o blog..
    Abraço!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo bem e você?

      Muito obrigada pela visita, fico feliz que tenha gostado! ;)

      Depende do seu ritmo, alguns lugares que citei estão próximos uns dos outros.

      Itacaré fica muito longe para fazer um bate-volta e tem muitas atrações para ver só em um dia, acho que em 3 dias você consegue aproveitar bem. Fiz uns posts sobre Itacaré, tem mais informações sobre como chegar e o que fazer, dá uma olhadinha depois.

      Abraço!

      Excluir
  15. Oiii, Tudo bem...
    Sou de Foz do Iguaçu, estarei de ponte área em Salvador com meu marido, estamos indo a Recife. Nosso voo chega as 8hs em Salvador e só embarcaremos para Foz as 14hs. Será que tem alguma coisa que possamos fazer nessas 5 horas que teremos livre, tem alguma dica, pois meu marido e eu não gostamos mto de esperar em aeroportos. Fico no aguardo de uma resposta...

    Abraços

    ResponderExcluir
  16. Oi! Tudo bem e você?

    O trânsito em Salvador é caótico, o aeroporto fica longe do centro histórico ou do bairro da Barra ou Rio Vermelho, por exemplo. Então recomendo que prestem muita atenção ao horário de voltar ao aeroporto, eu voltaria com 2h de antecedência.

    Há opções mais próximas ao aeroporto como as praias do Flamengo, Ipitanga ou Stella Maris, mas não sei se vocês encaram um mergulho no mar e um voo em seguida rs.

    Se quiserem podem ir comer um acarajé em Cira em Itapuã, é relativamente perto também.

    Eu gosto muito da Barra, lá tem o farol, barraquinhas de água de coco e muitos restaurantes na orla para curtir a vista.

    Ou uma volta rápida pelo Pelourinho, Elevador Lacerda, Mercado Modelo ou outra atração nessa região.

    Não sei como pensam em locomover-se, se de táxi ou bus, mas de novo fiquem atentos ao horário porque vocês tem pouco tempo, será corrido o passeio...

    Abraço! ;)

    ResponderExcluir
  17. Oii , Estou indo dia 26 de outubro e já andei olhando alguns pontos que não posso deixar de ir entre eles morro de são paulo , pelourinho , lacerda , farol da barra e etcc.... Gostaria de saber algumas baladas legais que tocam de tudo ???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!

      Infelizmente não tenho dicas de baladas atuais, faz mais de 3 anos não moro em Salvador e agora quando vou de férias curto a família e faço roteiros gordinhos rs.

      Excluir
  18. Sempre ouço dizer que Salvador é muito perigosa pela quantidade de assalto e exploração de turistas. Vou com minha família agora em novembro acompanhando meu marido em um congresso, mas confesso que estou com medo, pois seria decepcionante. O que vc me diz sobre isso.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, não sei aonde você vive, mas essa falta de estrutura e segurança pública é algo que infelizmente nos acompanha no Brasil e precisamos trabalhar muito para melhorar.

      Tomando os cuidados básicos e necessários a qualquer centro urbano, não vejo motivo para desistir da viagem.

      Abraço!

      Excluir
  19. olá mile, aqui é jonas de Brusque-SC . Fui em salvador e achei uma cidade inesquecível. Um dos pontes que você relata, que gostei muito, foi o dá cidade baixa, ribeira (sorveteiras e pizzarias excelentes), monte serrat (paisagens lindas e a praia da boa viagem com muita diversidade), bonfim ( barzinhos interessantíssimos com vista pro mar e com diversidade de pratos típicos deliciosos como o pirão de aimpim com carnes de sol. Esses bares ficam no lugar de nome estaleiro, e só descer uma ladeira que fica ao lado esquerdo da igreja do Senhor Bonfim ) gostei muito da cidade. já estou fazendo planos para conhecer em 2014 o tão falado Carnaval dessa maravilhosa cidade que tem um povo q contagia qualquer turista com sua alegria e acolhimento. Obrigado Mile, pois, se não fosse vc q me indicasse esses pontes minha viajem não seria tão interessante como foi, pois, não queria conhecer somente a parte histórica e turística, mas sim, me divertir.

    ResponderExcluir
  20. Oi Jonas!

    Que alegria ler seu comentário, muito obrigada mesmo por voltar e contar o que achou! ;)

    Fico feliz que tenha aproveitado esses lugares, essa vontade de voltar à terrinha quer dizer que as férias foram boas!

    Espero que a cidade continue te surpreendendo positivamente!

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  21. Oi Mile,
    Eu e meu marido iremos para Salvador em fevereiro/2014 por uma semana. Anotei várias dicas.
    A questão da segurança é mesmo muito séria no elevador Lacerda e no Pelourinho?
    Sou carioca e convivo com a questão da violência. Poxa, não gostaria de passar por isso aí.
    Depois conto como foi nossa estadia em Salvador.
    Forte abraço!
    Jandira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jandira!

      É difícil mensurar essa questão da violência.

      É fato que a cidade não passa por seu melhor momento, mas não acho que seja caso de evitar por completo tal e tal lugar.

      Todo mundo fala da violência no RJ, mas se eu te perguntar se posso ir sem medo é bem provável que não possa me assegurar uma resposta.

      A gente deve ficar mais alerta e tomar aqueles cuidados básicos, no mais aproveite o passeio!

      Abraço!

      Excluir
  22. to indo pra salvador,vou chegar 01;00 da manha gostaria de saber se tem onibus esse horario para centro de salvador e se é seguro, e de manha vou pra morro de sao paulo, gostaria de conhecer o centro de salvar ates??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cristiano, acredito que não há ônibus nesse horário e sobre a segurança é aquela coisa que já comentei anteriormente por aqui, não tenho como assegurar.

      Boa viagem!

      Excluir
  23. Oi sou do RJ.irei eu uma amiga no mês de maio,mas ficaremos só 2 dias pq vamos para Morro de São Paulo depois.você acha que Dá para conhecermos um pouco,??vamos ficar em Barra.obrigada pelas dicas.bjos Cris.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Em dois dias tem como conhecer muuuita coisa.
      Se o primeiro dia for um sábado, recomendo que explore o Pelourinho, Mercado Modelo e o MAM que ficam muito próximos uns dos outros. E recomendo dia de sábado por causa do Mercado Modelo. Já no segundo dia você explora a Barra e o Rio vermelho.

      Excluir
    2. Oi Cris!

      Sim, dá para ver muita coisa legal em 2 dias e espero que fique com vontade de voltar com mais tempo para aproveitar o que não deu para ver! ;)

      Laís, obrigada pela colaboração! ;)

      Abraço!

      Excluir
  24. Ola....adorei seus comentarios....vou para Salvador em Setembro, com meu marido e filho de 3 anos...vou ficar 2 dias na cidade depois vou para Morro de S.P. os dias q vou ficar na cidade sera quarta e quinta-feira...quais lugares sao abertos nesses dias? Janaina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jana!

      Obrigada pela visita!

      Não consigo lembrar nenhum local que não funcione na quarta ou quinta-feira...

      Abraço e aproveitem! ;)

      Excluir
  25. Que Bacana, Adorei o Blog. Estou indo para salvador a trabalho, ficarei 2 semanas na cidade.
    Vou tentar fazer uma boa parte deste roteiro parece ser bem bacana....
    Duro é andar sozinho ai, mas vamos que vamos ne...srrrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi André!

      Muito obrigada pela gentileza! :)

      Que legal, tenta conhecer mesmo esses cantinhos da terrinha! Espero que aproveite bastante!

      Excluir
  26. Estou em Salvador este fim de semana vou tentar segui a metade dessas dicas

    ResponderExcluir
  27. OBRIGADUUUU !!!! Daqui a alguns dias quando voltar a Salvador lembrarei das suas dicas...

    ResponderExcluir